quinta-feira, 17 de outubro de 2013

Ricardo Coutinho autoriza obras de estrada que liga Pedras de Fogo à BR 230




O governador Ricardo Coutinho assina, ainda na manhã desta quinta-feira (17), a ordem de serviço para pavimentação da PB-030, ligando o entroncamento da BR-230 a Pedras de Fogo. O trecho de 28,2 km beneficia diretamente o município de Pedras de Fogo, e integra a programação de obras do Programa Caminhos da Paraíba. Na mesma solenidade Ricardo também autoriza a construção da Escola Estadual João Úrsulo.

Esta será a 65ª ordem de serviço do atual governo estadual no setor rodoviário, com um investimento de R$16.972.143,76, em recursos próprios, contemplando uma população de 20.088 habitantes do município de Pedras de Fogo. A rodovia será uma opção para quem se desloca de Recife e outras cidades para Campina Grande por Pedras de Fogo até a BR-230 sem passar por João Pessoa e vice-versa, reduzindo assim o percurso em cerca de 20 km.

O tráfego médio diário na rodovia é de 659 veículos entre automóveis, camionetas, ônibus, caminhões e motos. A construtora Agra Ltda vai executar a obra. Serão realizados serviços de terraplenagem em cortes e aterros, pavimentação em concreto betuminoso, bueiros, sistema de drenagem profunda e superficial para águas pluviais subterrâneas, cercas de segurança da faixa de domínio, paisagismos em taludes e sinalização horizontal e vertical.

Associação dos Agentes Comunitários de PILAR enviará representante para acompanhar processo de votação de PL em Brasília


Ocorrerá na próxima semana 23/outubro, a votação da PL que trata do piso salarial dos Agentes comunitários de saúde e Agente de combate as endemias de todo o Brasil.

Em sua maioria os Sr.Deputados acham de fundamental importância a votação do PL 7495/06 que regulamenta a EC 63/2010 que representa a implantação do PISO SALARIAL NACIONAL. O QUE FICA GARANTIDO COM A APROVAÇÃO DO PL 7495/06: Assegura em Lei o repasse do recurso federal,destinado aos Agentes comunitários de saúde,que hoje já è feito,através de portaria ministerial.

A implantação do Piso Salarial Nacional de R$ 950,00 reais (recurso já repassado aos municípios), reajustado anualmente,de acordo com as regras praticadas pelo Ministério da Saúde.

Deixando claro que não haverá IMPACTO FINANCEIRO para o Governo Federal com a aprovação deste projeto de Lei. 
A Frente parlamentar em defesa dos Agentes comunitários de saúde e dos agentes de combate às endemias,atualmente conta com o apoio direto de 185 deputados federais.Da Paraíba os que encabeçam essa frente destaco: Deputado Bejamin Maranhão e o Deputado Major Fábio.Essa frente é um instrumento de trabalho legislativo suprapartidário que vem unindo esforços ao lado da Confederação Nacional dos Agentes Comunitários de saúde (Conacs), sindicatos,federações estaduais e associações municipais todas unidas para lutar pelo direito da classe. 

A associação dos Agentes comunitários de PILAR, enviará representante para BRASÍLIA, para acompanhar todo processo no congresso nacional.

(Texto: Evanio Texeira)

terça-feira, 15 de outubro de 2013

PILAR E O ENGENHO DE ZÉ LINS



(Restauração da casa grande do Engenho Corredor, onde nasceu José Lins do Rego, está quase pronta para receber visitações) 


Após um contato por e-mail da escritora e historiadora Catarina Buriti, do Instituto Nacional do Semiárido (Insa/MCTI), Campina Grande-PB, solicitando-me uma foto atual do Engenho Corredor, onde nasceu o escritor José Lins do Rego, para por na 2ª edição do livro didático "História da Paraíba", aprovado por duas vezes no PNLD e em processo de revisão, resolvi atender ao pedido cordial da nobre escritora paraibana, indo à minha terra natal Pilar, juntamente com meu amigo Marconi Lucena, do Blog Itabaiana Hoje, para fotografarmos o engenho de Zé Lins e alguns monumentos da terceira cidade mais antiga da Paraíba que comemorou este ano 255 anos de emancipação política.

O sol brilhava iluminando a paisagem onde outrora o menino de engenho brincava com os moleques da bagaceira. Um dia excelente para fotografarmos todo aquele universo imortalizado nas páginas dos romances do Ciclo da cana de Açúcar. Mas ao chegarmos ao engenho encontramos a porteira fechada por enormes cadeados. Falamos com o administrador e ele, educadamente, disse que o engenho estava em obras e que tinha determinação do proprietário para não deixar ninguém entrar. Então resolvemos fotografar, da margem da estrada, todo aquele cenário que nos encanta pela sua importância histórica e cultural. 

O que nos alegrou foi contemplarmos a casa grande com um ótimo aspecto, diferente das ruínas de alguns anos atrás, com previsão de ser aberta para visitações já a partir do próximo ano, em 2014. E as fotos? As fotos, graças a habilidade do fotógrafo e a boa resolução do equipamento, ficaram um maravilha! 


Depois voltamos para o centro histórico da cidade onde tiramos outras fotos, principalmente da Praça José Lins do Rego onde tem o busto do escritor. 



Resolvemos focalizar o que Pilar tem de mais bonito e que nem mesmo a ignorância de alguns administradores públicos tem apagado de sua história. 



Ao contemplarmos as fotos podemos confirmar que Pilar é uma cidade muito especial e que merece ser respeitada e admirada, não só pelos paraibanos e todos brasileiros, mas pelo mundo todo! 



Viva Pilar!!! Terra de encantos mil! 



Texto: ANTONIO COSTTA
Fotos: Marconi Lucena

Veja mais de 50 fotos de Pilar neste link: http://www.flickr.com/photos/marconiblog/sets/72157636597975495/



57


segunda-feira, 7 de outubro de 2013

APELO AO GOVERNADOR RICARDO COUTINHO




O governador Ricardo Coutinho assina nesta segunda-feira (7), às 10h, na cidade de Itabaiana, mais duas ordens de serviço para execução de obras do Programa Caminhos da Paraíba, para restauração da PB-066 Itabaiana/Juripiranga e construção de duas passarelas metálicas para pedestres na ponte velha de Itabaiana, que foi restaurada pelo governo estadual através do Departamento de Estradas de Rodagem da Paraíba (DER). 

Reivindicamos também o asfaltamento dos 8,5 km da estrada que liga os municípios de Itabaiana à Pilar, até o trevo onde fica o posto fiscal, conhecido também como a Encruzilhada. 

Acreditamos que o governo do Estado fará esta obra o mais breve possível. Mas queremos um asfalto de qualidade, pois o asfalto que está sendo construído na rodagem que liga os municípios de Pilar à Juripiranga, é de uma camada tão fina que a obra já está necessitando de reparos antes mesmo de ser inaugurada. Se não for colocado outra camada de asfalto eu diria até que a obra é quase uma ilusão. Afinal qual o prazo de validade de uma estrada asfaltada pelo governo? Quantos anos de garantia ela tem?... É dinheiro público que está sendo investido e como cidadão merecemos ser informados sobre esses detalhes. Pois de que adianta construir uma obra e inaugurá-la já com o prazo de validade vencido?...

NÃO ADIANTA FAZER DE QUALQUER JEITO,
TEM QUE SE FAZER BEM FEITO!

Antonio Costta

terça-feira, 1 de outubro de 2013

Deputado denuncia promotor e prefeitura de PILAR

O deputado estadual Frei Anastácio (PT) denunciou, hoje, que a prefeitura de Pilar, com apoio de um promotor de justiça que atua no município, cometeram crime ambiental, ao invadir uma área de preservação dentro de um assentamento da reforma agrária para depositar lixo. “O pior de tudo é que utilizaram máquinas distribuídas pelo governo federal, através do PAC 2, para cavar as valas onde o lixo foi depositado”, disse o parlamentar.
Frei Anastácio fez a denúncia com a exibição de fotografias que ele fez, durante visita ao local, depois que recebeu a denúncia realizada pelos trabalhadores do assentamento Boa Sorte, ligado ao Instituto de Terras da Paraíba (Interpa).
“O mais surpreendente é que os trabalhadores descobriram que a prefeitura de Pilar estava colocando lixo do município e mais 15 cidades consorciadas, na área destinada para reserva ambiental do assentamento”, disse Frei Anastácio.
O deputado relatou que outro absurdo foi a utilização das máquinas do PAC 2, destinadas para beneficiar a agricultura família, usadas para abrir um buraco de 20 metros de largura, por 100 de comprimento, com quase 3 metros de profundidade. “Segundo informações que tivemos no local, o promotor de justiça município, Aldenor Medeiros, autorizou o despejo desse lixo, sem nenhum tratamento, nessa reserva permanente, sem ter autorização de nenhum órgão ambiental nem do Interpa”, denunciou o deputado.
O assentamento tem 735 hectares, com área de preservação ambiental de 146 hectares. “Os trabalhadores revoltados com a invasão de suas terras, e com o crime ambiental, sexta passado fecharam com arame farpado a entrada aberta pelas maquias para jogar lixo no local.

Audiência com a Sudema

Frei Anastácio informou ainda que, ontem (30), foi realizada uma audiência em Pilar entre o promotor, Sudema e representantes dos trabalhadores, que apresentaram a documentação da área. “A Sudema informou que a prefeitura, juntamente com o promotor não podem utilizar a área do assentamento como deposito de lixo”, disse o deputado acrescentando que aquele assentamento teve as terras desapropriadas através do crédito fundiário, e que os trabalhadores ainda nem terminaram de pagar o que devem ao governo.
“O que aconteceu em Pilar foi uma atitude abominável, típica de ditador, que de forma truculenta, tenta impor o terror à população. Estarei acompanhando este caso de perto, para defender os trabalhadores. E quem for mais a fundo saberá o que está acontecendo”, afirmou o deputado. Fonte: parlamentopb

HINO OFICIAL DE PILAR- cantado por José Cosmo de Souza

HINO OFICIAL DE PILAR - cantado por Jordânia Borges