terça-feira, 29 de julho de 2014

VISITANDO O MARAVILHOSO MUNDO DE JOSÉ LINS DO REGO



Tivemos a honra de receber na manhã de sexta-feira, 25 de julho de 2014, um grupo de alunos do 3º ano da EEEM Integrado Beatriz Loureiro Lopes, da cidade de Piancó, localizada no alto sertão da Paraíba, acompanhado de duas professoras, que visitaram o município de Pilar com a finalidade de conhecer o maravilhoso mundo do menino de engenho: o romancista, cronista e ensaísta, membro da Academia Brasileira de Letras, José Lins do Rego.





  


 

Foi um prazer recepcioná-los, juntamente com minha filha Letícia Pillar, na Fundação Menino de Engenho de onde partimos para o Engenho Corredor, onde Zé Lins nasceu.




Ao chegarmos no engenho contemplamos um cenário diferente de outrora, onde só havia ruínas, matos e marimbondos, lá estava, imponente, a Casa Grande totalmente restaurada! Mobiliada com móveis da época, tudo bem conservado, fazendo gosto de ver. Sem dúvidas aquele cenário nos fez sentir uma emoção diferente, como se estivéssemos adentrando às cenas narradas nos romances do Ciclo da Cana de Açúcar, imortalizados pelo ilustre filho da terra que soube como ninguém contar as histórias de seu povo, consagrando-se na literatura brasileira como um dos maiores romancistas regionalista de todos os tempos! 









Depois voltamos para o centro da cidade, onde visitamos a antiga Casa de Câmara e Cadeia, onde Dom Pedro Segundo, no ano de 1859, hospedou-se e concedeu beija mão a sociedade da região e hoje abriga a Fundação Menino de Engenho e a Biblioteca 03 de Junho, em homenagem a data em que o escritor nasceu.








Por último fomos visitar a belíssima Praça José Lins do Rego, onde tem um lindo busto do nosso romancista.





Certamente foi um dia de deslumbramento que ficará marcado para sempre em nossos corações.



 Meus sinceros agradecimentos aos proprietários do Engenho Corredor, Joaquim Soares e sua esposa Alba, pela extraordinária oportunidade que nos concederam de podermos visitar a casa grande onde Zé Lins nasceu e todo o complexo, ainda em fase de restauração, do Engenho Corredor.

Antonio Costta
(83) 9186-5519
E-mail: poetaac@ig.com.br
https://www.facebook.com/antonio.costta

terça-feira, 22 de julho de 2014

Vem aí o 1º Concurso Municipal de Poesia de Pilar






 Com o propósito de motivar a leitura e a produção literária na terra de José Lins do Rego, é que tivemos a ideia de realizar o 1º Concurso Municipal de Poesia de Pilar, com o total apoio da Secretaria Municipal de Educação e Cultura do município.

Pilar é uma terra rica, histórica e culturalmente falando. Ela é a terceira cidade mais antiga do Estado da Paraíba, e berço de grandes poetas e escritores, a exemplo do fabuloso José Lins do Rego, autor de clássicos consagrados da literatura brasileira, como Menino de Engenho e Fogo Morto. Pilar também foi berço de outros poetas renomados como José Augusto de Brito, Manuel Xudu (poeta cantador), Damião Ramos Cavalcanti (presidente da Academia Paraibana de Letras), deste humilde juntador de palavras que escreve estas linhas, e de tantos outros poetas que só precisam de uma oportunidade para mostrar sua criatividade. Tenho certeza que esse Concurso Municipal de Poesia será surpreendente, revelador de novos talentos que muito hão de dignificar a nossa querida e bela Pilar.


O Concurso está previsto para o próximo mês de agosto e o lançamento do livro, com os melhores poemas dos alunos participantes, em outubro na Semana Cultural.



sexta-feira, 4 de julho de 2014

PILAR NO ROTEIRO DA LITERATURA

A terra do menino de engenho, o romancista, cronista e ensaísta José Lins do Rego, imortal da Academia Brasileira de Letras, prepara-se para realizar a FLIPI - 1ª feira Literária de Pilar, através da Secretaria Municipal de Educação e Cultura. O evento, que será coordenado pelo poeta Antonio Costta, está previsto para o mês de outubro deste ano e em breve será divulgada toda a programação através do blog: http://flipipilar.blogspot.com.br/

A FLIPI homenageará em sua 1ª edição o escritor e poeta Damião Ramos Cavalcanti, presidente da Academia Paraibana de Letras e da Fundação Casa de José Américo. Damião nasceu em Pilar e tem desenvolvido um brilhante trabalho em defesa da cultura paraibana, o que é motivo de orgulho para os pilarenses.
(Poeta Damião Ramos Cavalcanti)
RESUMO BIOGRÁFICO

Damião Ramos Cavalcanti, nascido na cidade de Pilar - PB, terra do escritor e romancista José Lins do Rego. Passou parte da sua infância em Itabaiana, quando, com seus 11 anos, foi estudar na cidade de João Pessoa, onde reside até hoje. Em 1966, viajou à Itália, onde, em Roma, realizou seus estudos de graduação e pós-graduação em Filosofia; em Paris, posgraduou-se em Sociologia da Educação pela Sorbonne, de 1978 a 1983. Professor da Universidade Federal da Paraíba, desde 1973, onde prestou uma larga folha de serviço como docente e dirigente. Participou da criação da UEPB em Guarabira, da UNIPÊ e da FESP em João Pessoa. Hoje, dedica-se a escrever seus livros, como membro da Ordem dos Advogados do Brasil - OAB; da Academia Paraibana de Cinema - APC; da Associação Paraibana de Imprensa - API e da Academia Paraibana de Filosofia - APF. É advogado, escritor, poeta, cronista e Presidente da Academia Paraibana de Letras - APL e da Fundação Casa de José Américo.

HINO OFICIAL DE PILAR- cantado por José Cosmo de Souza

HINO OFICIAL DE PILAR - cantado por Jordânia Borges